FANTAS SOUND NO SÁ DA BANDEIRA

FANTAS SOUND NO SÁ DA BANDEIRA
A música no Fantas’2005
Do Pop ao Rock
Do Jazz ao Folk

Bilhetes entre 15 e 20 Euros. Passes Livre-Trânsito (a adquirir só na sede do Fantasporto) e com direito a um relógio FOSSIL comemorativo dos 25 anos do Fantas, no valor do Livre-Transito.
Bilhetes à venda a partir de 2 de Janeiro nas Fnac´s do grande porto, Lojas Bertrand e em www.plateia.iol.pt

Datas: 25 de Fevereiro a 4 de Março
Música
Local: Teatro Sá da Bandeira
Concertos às 21.30 horas

FEVEREIRO

Dia 25 – MILLADOIRO

A música Folk tem um papel especial na celebração das Bodas de Prata do Fantasporto. Neste primeiro concerto, a música celta é fundida com a música tradicional da Galiza. Os Milladoiro nasceram em Novembro de 1978 pela mão do músico de jazz e multi-instrumentista, Xosé A. Ferreiros. Composto por alunos da Universidade de Santiago de Compsotela foi buscar o seu repertório aos manuscritos antigos, com umaa pitada de modernidade. Aqui, os Milladoiro são acompanhados pelo Grupo de Danças e de Gaitas Galegas reforçando a componente étnica do concerto.

Dia 26 – XUTOS E PONTAPÉS – Concerto de celebração de 25 anos dos XUTOS

Presentes na abertura do Fantas 2000 onde celebraram os 20 anos de existência, os XUTOS voltam ao Fantas, desta vez em acústico, para um espectáculo que marca os seus 25 anos. Uma banda que não precisa de apresentações. Os “Sirs” ou os novos “comendadores” da grande música feita em Portugal. Um concerto a não perder.

Dia 27 – JOÃO BOSCO e TRIO

Um dos mais importantes cantores e escritor de canções do Brasil. João Bosco nasceu em Ponte Nova, no ano de 1946, de uma família de músicos (o pai era cantor de samba, a mãe violinista, a irmã pianista e o irmão compositor). Em 1972 formou-se em Engenharia Civil, mas a música levou sempre a melhor. Escreveu grande parte dos sucessos que fizeram de Elios Regina uma lenda. Tem mais de uma vintena de discos publicados em nome próprio.

Dia 28 – FAIRPORT CONVENTION

Descritos pelo jornal britânico “The Times” como: “um tesouro nacional”, os Fairport Convention são uma instituição no “folk rock britânico”. Formada em 1967, a banda que foi buscar o nome à casa de Simon Nicol, um membros, a “Fairport” em Muswell Hill, Londres, foi resultado de um amor de Verão. Actualmente, os Fairport Convention são: Simon Nicol – voz e guitarra acúsica; Dave Pegg – baixo, bandolim e voz; Ric Sanders – violino; Chris Leslie – bandolim, bouzouki, violino e voz; e, Gerry Conway – bateria e percursão.

MARÇO

Dia 1 – MESA

Os Mesa nasceram em 2000, mas só em 2003 editaram um disco em nome próprio. Pelo caminho, ficam a maqueta de 2001, apoiada por Henrique Amaro (Antena 3) e a participação na colectânea “Pop Up Songs – Optimus 2002”. O álbum homónimo dos Mesa figura entre os melhores de 2003, da Antena 3 e da Dance Club Music Awards. A banda recebeu, igualmente, o Globo de Ouro, Prémios de Cinema, Música e Teatro da SIC, para melhor Grupo do Ano. Os Mesa são Mónica Ferraz, João Pedro Coimbra, Jorge Coelho, Bruno Macedo, Eurico Amorim e Miguel Ramos.

Dia 2 – MARIA VIANA e quarteto em concerto de Blues

Uma das grandes vozes do Jazz em Português. Maria Viana nasceu em lisboa, a 17 de Março de 1958. Em 2002 comemorou 25 anos de carreira músical. Quando já cantava, em meados dos anos 80 participou em vários programas televisivos sobre o Jazz, de onde se destaca em 1985, o “Jazz para Todos”, onde era pivot e a cantora residente. Ao longo da sua carreira fez homenagens, em forma de concerto, a nomes importantes da música brasileilra como Tom Jobim, ou Vinicius de Moraes.

Dia 3 – DAEMONIA

O compositor, produtor e teclista Claudio Simonetti nasceu a 19 de Fevereiro de 1952, em São Paulo, no Brasil. O compostor “fetiche” do mestre italiano do Gore, Dario Argento, estudou piano e composição no Conservatório Santa Cecília, em Roma, Itália. A sua carreira musical começou com os “Goblin”, evoluindo depois para os “Daemonia”. Ainda em 2003, fizeram a banda sonora do mais recente filme de Argento, “The Card Player”. Se se pode definir a sua música será como um “electro-rocksinfónico-gótico”, piscando o olho aos clássicos do rock e da electrónica.

Dia 4 – PLAZA

Os irmãas Praça voltam a surpreender. Desta vez, Simão e Paulo Praça, ex-Turbo Junkie, juntaram-se às teclas de Quico Serrano, ex-Três Tristes Tigres. Paulo paraça está envolvido, igualmente, num outro projecto que se chama, “Grace”, que editou um disco antes de Plaza. “Meeting Ponit” é o nome do álbum de estreia, que recupera sonoridades, dos anos 70 e 80, e é considerado por muitos o melhor da pop/eléctrónica portuguesa. “(Out) on the Radio foi o single que fez dançar o Verão 2004. Simão Praça diz que a música dos Plaza é “psicadélica e psicotrópica”.

Dia 5 – BAILE DOS VAMPIROS
1ª Parte – Banda a confirmar
2ª Parte – Dj´s a confirmar
O Sá da Bandeira voltará a ser transformado numa enorme discoteca, havendo nos corredores animações do mais diverso tipo com transformações graduais ao longo da noite, tais como a projecção de filmes e de efeitos em ecrãs gigantes que serão montados na sala, e outras que farão do Baile dos Vampiros uma festa inesquecível. Uma decoração gótica a preceito enquadrará todo o evento.

Spread the love

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *